Alunos e docentes participaram na noite de ontem, 17, do primeiro dia do VII Encontro de Pedagogia, Diversidade e Educação na Amazônia. No início do evento, os alunos das turmas LI01NA e LI01NB, realizaram apresentação de banners de ética, diversidade e direitos humanos, que exibiu stands de jogos, brinquedos e brincadeiras, além de apresentação de banners sobre Direito ao Meio Ambiente e Direitos Humanos, Intolerância Religiosa no Brasil e dentre outros assuntos

 Marcela Martins, discente do 3º semestre de Pedagogia mostrou em conjunto com sua equipe os brinquedos dos anos 80, aos dias atuais, entre eles, o  bambolê, dominó, carrinhos, quebra-cabeça e brinquedos feitos à mão. Marcela comenta que o objetivo do stand é mostrar como são utilizados os brinquedos de acordo com cada faixa etária da criança. "Apesar da modernidade esses brinquedos são importantes na educação infantil para os alunos e para professores", disse. 

Jogos dos anos 2000, jogo da velha, amarelinha e jogo das regras trouxeram lembranças ao público presente. Durante o evento, aconteceu a palestra do Prof. Msc. Jenijunio Santos, que falou sobre a Diversidade e Educação na Amazônia. De acordo com Jenijunio Santos, é complexo debater sobre a Amazônia, já que é um lugar diversificado, com povo, cultura e costumes de grande riqueza. "Além da diversidade, temos grandes desafios, sobretudo na educação que começa desde os indígenas, quilombolas, ribeirinhos e próprio povo da cidade", ressaltou o Jenijunio. 

Na sequência, os alunos do 3º período de Pedagogia apresentaram a caixa lúdica, com o "divertidamente", onde as alunas estavam vestidas da personagem do filme "Alice no País das Maravilhas", a apresentação foi coordenada pela Prof. Esp. Márcia Bandeira. O evento continua nesta sexta-feira, 18,  com temáticas da Formação do Professor para a Diversidade, além do debate sobre a Base Comum Curricular.